Blog - Urologia Geral Post New Entry

POUCAS HORAS DE SONO PODEM ESTAR RELACIONADAS AO C??NCER DE PR??STATA?

Posted by Dr Bruno Benigno on June 27, 2017 at 8:25 AM

Pesquisa populacional envolvendo 823.000 homens publicada no Congresso anual da American Association for Cancer Research, em Washington, D.C

A Dra. Susan Gapstur, vice-presidente de epidemiologia pela American Cancer Society, sugere que:

Os homens de <65 anos de idade que dormem por apenas 3 a 5 horas por noite foram 55 % mais propensos a morrer de câncer de próstata do que os homens que tem 7 horas de sono por noite.

Os homens que dormiram 6 horas por a noite foram 29% mais propensos a morrer do câncer de próstata do que os homens que tem 7 horas de sono por noite.

Não houve tal associação entre homens de 65 anos ou mais.

Dr. Bruno Benigno alerta que devemos avaliar estudos populacionais e retrospectivos com muito cuidado. Associar o sono de baixa qualidade ao risco de desenvolvimento do câncer de próstata pode estar simplesmente relacionado a um viés estatístico, provocado por outros fatores de risco não avaliados no estudo.

Os questionários aplicados aos homens investigados podem refletir percepções variadas da própria da qualidade e duração do sono, assim como outros fatores como obesidade, tabagismo e doenças crônicas podem ter influenciado diretamente os resultados.

Faz mais sentido perceber que um sono de boa qualidade esteja associado a uma melhora na qualidade de vida, bons hábitos alimentares e práticas de atividades físicas regulares.

Os próprios autores reconhecem as limitações de seus resultados e sugerem que estudos futuros, com critérios de inclusão controlados sejam realizados para definir uma possível causalidade entre a privação de sono e o risco de desenvolver o câncer de próstata.

Para saber mais visite:

www.consulteumurologista.com

 

Categories: Câncer de próstata

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

Already a member? Sign In

0 Comments